JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

29 de mai de 2012

Diário de um Dotô – Dicas de Viagens

Buenos dias pueblo hermoso da Nación del Fundón, si ustedes no hablas español fique tranquilo, porque nós também não…  Mas é que eu trabalho em um escritório fino e que possui uma gama de clientes de alto garbo e elegância, portadores de filiais nas mais lindas cidades europeias e que vez ou outra necessitam de uma atenção nos processos, “in loco”.

É cediço (a maioria não sabe o que é cediço e eu só escrevi pra sacanear) que a vida de advogado não se restringe apenas a trabalhar dentro do escritório, assim, vez ou outra (no mínimo uma vez por semana) eu tenho que me deslocar até cidades belíssimas para solucionar questões relacionadas aos processos que representamos.

Enquanto alguns advogados vão para Lisboa, para Florianópolis, ou pra Salvador, eu vou pra Osasco, Taboão da Serra, Franco da Rocha e Francisco Morato. (fica vendo a raiva desse pessoal nos comentários) É claro que eu exagero e nem vou muito para tais localidades, mas na época que era estagiário eu ia pra Osasco e Taboão pelo menos umas 2 vezes na semana, mas agora os destinos mudaram um pouco, agora os “passeios” recorrentes são para Sorocaba, Tatuí, Baurú e Ribeirão Preto.

Torço para que a justiça se mantenha lenta e burocrática por um bom tempo pelo menos na cidade de Ribeirão Preto, por dois motivos, o primeiro é que nós somos advogados tributários e quanto mais tempo a justiça demora, melhor pra gente (receberei críticas por esse comentário) e o segundo e mais importante motivo desta torcida tem um nome: PINGUIM! (esta deve ser a choperia mais famosa do Brasil e tem até música) e lá vende um chopp pra lá de gelado e deliciosamente cremoso, sem mencionar o carpaccio e a porção de tilápia empanada que é campeã e que me deixa tão feliz quanto estudante em dia que professor falta.

Por este motivo, programo via de regra as viagens para Ribeirão ás sextas feiras, para que haja um tempo hábil de dar uma passada rápida (3 horas pelo menos) no Pinguim…
Agora falando das viagens, eu tenho que dar umas dicas valiosas para todos vocês amigos viajantes, e que frequentam os fóruns deste imenso Brasil…A primeira coisa, verifiquem se não é feriado na cidade que você vai, essa é básica, mas não teve ninguém pra me dar este conselho e um dia saí de Campinas e fui até Baurú, e era feriado municipal… me fodi né! Sempre verifique isso.


Segunda dica, itens básicos em toda viagem, verifique se seu carro está em ordem, mas já adianto que mesmo estando tudo em ordem ele pode quebrar,eu já fiquei na estrada com o carro quebrado e acreditem é ruim pra cacete, verifique se tem gasolina pra ir e voltar, não esqueça do dinheiro pro pedágio e uma reserva no caso de um pneu furar ou qualquer outra eventualidade e o mais importante: VEJA SE A PORRA DA CARTEIRA DE HABILITAÇÃO ESTÁ DENTRO DA SUA CARTEIRA… eu já me ferrei com essa!

E a terceira dica e mais valiosa de todas: consulte a situação no processo antes, veja se ele não está concluso ou nada do tipo,porque senão é viagem perdida, se você for na justiça estadual, você está automaticamente fodido (só eu acho que fudido fica mais legal que fodido?) porque na estadual o que aparece na internet quase nunca é o verdadeiro status do processo. Mas se você tiver o dom da oratória e um forte poder de convencimento você pode tentar ligar e verificar se o processo está disponível. Dica: ligue na secretaria da vara e diga que é de muito longe (aconselho dizer que está há pelo menos uns 450km de distância) e só por isso quer uma confirmação, para não perder viagem, eles vão se solidarizar com você e te informar.

Porém, ainda que você seja um ser de alta capacidade intelectual e siga todas essas importantes dicas, existirão lugares que você dará com os burros n’água e não conseguirá ter acesso aos autos, Neste caso meus amigos, torça para que seja Ribeirão Preto, que pelo menos você passa a tarde enchendo a cara de chopp no pinguim!

Semana que vem tem mais! Um fraterno abraço!


Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism