JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

30 de ago de 2012

Reclamatório – Eu odeio a Rede Globo

rede_boboBem amigos da Rede Globo, estamos ao vivo e em definitivo de Campinas, mais precisamente na Sede das Organizações N.E.D. pra esclarecer inicialmente que não, eu não odeio a Rede Globo de Televisão, e nem sou um desses idiotas que falam Rede Esgoto, muito menos Rede Bobo, coisa juvenil isso, ah e também não vou aqui ficar falando que as empresas de televisão e de rádio são concessões públicas e tal porque se analisarmos friamente nenhum (ou quase nenhum) canal de TV ou rádio faz o que originalmente era pra fazer e que é definido em lei, então não vou entrar nesse tema, pois aqui a discussão é outra.

Pois bem, acho que é pela superexposição que a Globo possui, que ela consegue ser amada por muitos e odiada por outros tantos, mas isso não é um privilégio apenas da emissora de TV, ou vai me dizer que nunca ouviu gente falando que o Windows é uma porcaria e outros falando que o Windows é muito bom? É sempre assim, quanto mais gente conhece, mais gente vai gostar ou odiar. Matemática pura.

Gostar ou não gostar é um direito de cada um, eu não sei se gosto, porque não assisto muita coisa que passa na controvertida emissora, pois eu sou rico pra caralho e tenho dinheiro pra pagar uma assinatura de TV à cabo com pacotes de canais em alta definição para assistir em minha imensa TV 3D, e com isso assisto apenas programas de qualidade, mentira, as coisas que assisto são tão ruins ou até piores que alguns que passam na Globo. Se bem que na Globo passa o Big Brother e Fórmula 1, então eu gosto da Globo! (não é piada, eu gosto mesmo de Big Brother, mas discutiremos o meu apreço pelo BBB em um outro momento)

Neste momento você com “sanguinuzóio” por ter lido que eu gosto de BBB e consequentemente da emissora concedia aos Marinho, vai tentar me convencer primeiro que eu sou um idiota por gostar de Big Brother e segundo que a Vênus Platinada é do mal e vai me dizer: “Ah Livan, mas a Globo manipula as pessoas, ela elege presidentes, derruba ministros, cria heróis e vilões”.

É, indiscutível esse poder, não o nego e nem discordo, tanto é que o poder da Globo é tão grande que em uma pesquisa divulgada recentemente se comprovou que nas madrugas em que a Globo está fora do ar e aparecem aquelas faixas coloridas na tela, ela consegue ter mais audiência que todas as outras emissoras juntas, e isso meus amigos é o que podemos chamar de um poder do caralho, entretanto, vale dizer que o que quase todas as empresas de comunicação fazem é manipular fatos e não pessoas, você é quem escolhe se quer ser manipulado ou não! Se você se limitar apenas a uma visão dos fatos não é só a Globo que vai te manipular, o mundo inteiro irá fazer isso.

Tá, eu sei que muitas pessoas tem a Globo como única fonte de informação, pois não tem acesso à internet, não podem assinar um jornal ou uma revista séria e imparcial como a Veja (piadinha tá gente) e que pra essas pessoas o que a emissora carioca fala é lei, alguns chamam isso de credibilidade, outros chamam de filhadaputice descarada pois em muitos casos eles escodem a verdade, ou simplesmente ignoram um fato importante que pode ser prejudicial aos seus negócios.

Sim, negócios, tudo gira em torno dos negócios, e apesar de ser uma concessão, as TV’s são um negócio como outro qualquer, tudo é feito com um único propósito: GANHAR DINHEIRO, embora a ideia inicial da lei era que as emissoras fossem aptas a educar e entreter, mas né educar tá foda! Então não adianta você ficar putinho e compartilhar imagem no facebook que a Globo paga 2 milhões pro campeão do Big Brother, mas te pede ajuda pra doar para o Criança Esperança.

Vou desenhar uma coisinha pra vocês, nenhuma emissora está obrigada por lei a fazer caridade, sim, o projeto Criança Esperança é caridade, assim como o Teleton também é, e outros destes projetos o são, embora eu acredite que as empresas não fazem isso apenas pelo ato caridoso em si, deve rolar alguma compensação nisso, que eu não sei qual é, senão acho que eles não fariam nada disso. (não me venha com outra babaquice de que a Globo usa as doações pra conseguir desconto no imposto por favor)

A Globo poderia simplesmente dizer que não ia mais fazer o Criança Esperança, o SBT poderia soltar um comunicado que de 2013 em diante não mais transmitirá o Teleton e pronto. Só que aí todo mundo ia dizer que isso é um absurdo, pois acabar com o programa do coxinha do Luciano Huck ninguém quer, mas acabar com um programa que ajuda criancinhas descamisadas eles foram capazes.

Mas antes de dizer isso, eu peço que você seja um tanto menos hipócrita, e pare de chamar de Rede Bobo, pois eu sei que você que adora criticar tudo que a Globo faz, adora assistir a novela, e pior, sei que ligou para eliminar o Dicésar do BBB, mas não teve o colhão de ligar e doar 5 reais para o  Criança Esperança!

Contradição, a gente se liga em você!

Assinatura Livan

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism