JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

15 de jan de 2013

Diário de um Estagiário – Como faz?

duvidaOlá pessoas curiosas e confusas!

Uma semana após o fim do recesso, finalmente tudo parece estar “voltando à realidade”, como já diria o texto da semana passada.

Assim, aqui estou - quase oculto - em meio às pilhas monumentais de processos e documentos acumulados das já não tão amadas férias...

Além da preguiça e da fome que rondam meus pensamentos, estive relembrando os tempos de aprendiz de feiticeiro estagiário, e de como era o tempo em que eu pronunciava a frase do título 10 vezes mais que atualmente (continuo pronunciando com frequência).

Parece que foi ontem a primeira vez que me pediram para “protocolar” alguma coisa:

Dr. Mévio diz: “Christian, vai lá no expresso e protocola isso aqui pra mim, beleza?”

É, apenas isso, considerando que era meu 2º dia de trabalho e que a única vez que eu tinha saído do escritório até o momento tinha sido no café da tarde para comprar orelhas de gato, a situação não era das melhores.

Após lembra-lo que o único “expresso” que eu conhecia era o café, o mesmo acabou me dando uma explicação a lá Mestre dos Magos: falou, falou e não explicou bosta nenhuma.

Então, meio que sem rumo, me desloquei para as coordenadas muito bem especificadas – “é fácil, vai toda vira reto e quando chegar na “prefa” segue a galera com papel na mão, se chegar em uma casinha com uma fila enorme é lá mesmo” - e no fim não é que eu achei o tal do Protocolo Expresso?

Porém, para fazer jus à lei de Murphy, o advogado tinha esquecido de juntar o preparo no processo, fazendo com que eu voltasse com o esfíncter na mão achando que quem tinha feito merda era eu...

Mesmo que agora eu já dê mais informações que taxista para os novatos, acho que foi uma fase muito importante e que agrega muita experiência.

Sou grato por esses “como faz?”, que me fizeram aprender e, felizmente, não precisar mais colocar pedidos de sucumbência na justiça do trabalho e o pagamento de custas processuais pela parte sucumbente no Juizado Especial.

Então é isso galera, lembrem-se de perguntar a seu boss se tiverem dúvidas, pois se alguma merda acontecer a culpa será sempre de vocês!

Até semana que vem.

assinaturachristian

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism