JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

4 de abr de 2013

Diário de um Estudante – A culpa é do professor

professorOla gente linda

Como foi a Páscoa? Espero que ótimos. Depois de muito descansar e possivelmente tendo adquirido alguns gramas a mais, aqui estou para conta-lhes mais um pouco da minha rotina de estudante.

Quando começo o texto assim é porque falta assunto né? Sorry. A semana foi curta pessoal, não tenho novidades, e minhas provas ainda nem começaram!

Bom, devo dizer a vocês que Direito do Trabalho e Direito Civil este semestre estão totalmente no topo da minha lista negra de matérias chatas, e Processual Civil e Penal estão no topo da minha love list. Quem diria né, as coisas mudam. Devo atribuir este mérito aos respectivos professores!

Professores sem didática conseguem me fazer pensar em como me jogar da janela ou em ir dar voltinhas e conversar com a tia da cantina, e professores empenhados ganham minha total admiração, além de me fazer gostar de matérias que antes odiava. Juro que tento prestar atenção nas aulas chatas, juro juradinho pra vocês, mas slides atrás de slides, e ainda por cima CHEIOS de textos (alguém explica que slides são como outdoors- deveriam ser utilizados para tópicos curtos e fáceis de entender), meia luz, juridiquês ao extremo que ainda não somos capazes de entender por completo e voz baixa e robótica NÃO são um exemplo de uma aula bem dada! São, isso sim, um convite ao instagram, ao facebook, ao whatsapp e à conversa paralela (um clássico da distração estudantil antes do advento dessas parafernálias tecnológicas)!

Por favor, professor, me surpreenda.

Aí eu penso... Ah, deixa pra lá, depois eu pego em um dos livros e tento entender isto por minha conta e risco! É o que eu deveria ter começado a fazer, mas, como estudar já é uma torturinha de nível pequeno, eu pelo menos escolho as matérias mais legais na hora de estudar, como Processo Civil e Penal, minha nova paixão S2

Posso me arrepender do que vou falar agora, como já me arrependi no passado ao ter super elogiado um professor (no início ele era bom, e com o passar do tempo suas aulas se tornaram maçantes por demais), mas o meu professor de Penal é simplesmente o máximo. Ele empenha todos os seus esforços em nos fazer entender, ele esmiuça a matéria de um jeito incrível, escreve todo o artigo no quadro (quem faz isso?), e vai desmembrando-o, como nas aulas de Português do ensino médio quando a professora  nos explicava as Orações Subordinadas (era isso né?). Até me preocupa, pois de tanto esmiuçar, ainda estamos vendo o 121 do código penal, o homicídio, isso desde o começo do semestre, de forma que acredito que a quantidade de crimes que iremos ver até o final do semestre é pequena, mas... Todos os professores deviam ser assim.

Palmas para ele. Tomara que eu não reprove, pois apesar das ótimas aulas, ele mesmo já avisou que as provas são impossíveis. Boa sorte pra mim!

Beijinhos

assinaturarafa

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism