JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

5 de abr de 2013

Diário de um (in)Docente - HABEMUS IGNORÂNCIA ...

sateliteCaros amigos, muito bom estar de volta depois de um período turbulento que passei com o filhote mais novinho! Mas, graças ao bom Deus e a oração dos amigos, ele está bem!

Muitas novidades nesses dias, não é?? Papa argentino ... fala sério! E quando me falaram que ainda era humilde, pensei comigo: “Ah vá! Nunca! No mínimo vai querer usar o nome Jesus Segundo ...”. Pensei novamente e cheguei a conclusão: “Não, ele não usaria Segundo nunca ...se não for o primeiro, esquece!”.

Queimei a língua, pelo menos por enquanto! O homem é humilde e, pelo visto, mudará a cara da igreja católica nesses tempos ...

Voltando aos assuntos da (in)docência, nesses dias, no Complexo Damásio de Jesus, estamos passando pela chamada interferência solar. Tal fenômeno se dá de tempos em tempos, afetando diretamente os satélites, o que acarreta uma modificação nos horários dos cursos pela interferência do sol, afetando as comunicações. Assim, geralmente os cursos iniciam as 08h20 da manhã para a compensação do horário da interferência para que os cursos das unidades do Brasil não sofram com tal fenômeno, perdendo o sinal no meio da aula!

Vai vendo!! Um aluno me chama de lado e diz o seguinte:

- É professor, agora a vida tá mansa hein??! Inventaram essa história de interferência solar só para os professores acordarem mais tarde para vir ao curso!

Dei aquela olhada para a cara do aluno, sem me preocupar com qualquer espécie de resposta ...responder o quê para este infeliz?

De repente, como se não bastasse a porcaria que ele já tinha dito, vem a pior:

- E outra, professor! Hoje nem rola esse barato, pois o tempo está nublado e chuvoso ...enrolação!

Travei! Pensei comigo: “essa besta acha que o satélite fica a 20 metros de altitude e a gente empina como uma pipa?? Realmente ele acha que o sol vai dormir para a lua chegar à noite ???”

Ainda meio desacreditado, me deparo com nossa capela e a cruz (temos uma capela no Damásio) ... se você acha que exercitei o meu lado cristão e pensei: “temos que perdoar o desconhecimento, a ignorância do ser humano”, na verdade olhei bem para a cruz e erroneamente imaginei: “porque você não morre, filhinho??? Cê merece!!!”

caio

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism