JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

31 de jul de 2013

Tá proibido fazer o “numero 2” no fórum de Carapicuíba

Banheiro do Fórum de Carapicuíba pode ser usado só para urinar

As más condições de funcionamento parecem ter chegado a seu limite. Os funcionários e usuários não podem defecar nos banheiros do local

As más condições de funcionamento do Fórum de Carapicuíba parecem ter chegado a seu limite. No mais recente episódio envolvendo o “caos” no imóvel, os funcionários receberam uma ordem no mínimo inusitada: só podem utilizar os banheiros para escovar os dentes ou urinar. Qualquer outro tipo de “atividade” está proibida.

A ordem foi registrada via circular, datada de 11 de junho, e divulgada ontem pela Apatej (Associação Paulista dos Técnicos Judiciários), entidade que representa os servidores. O documento, assinado pelo Escrivão Diretor, Jorge Sales, e pela Oficial Maior, Sheila Maciel, é claro, pedindo aos funcionários utilizem o banheiro “somente para higienização bucal e para mictar”.

De acordo com o texto, o local possui apenas um banheiro, que precisou ser interditado, há algum tempo, devido a um entupimento causado pelas raízes de uma árvore, que teriam danificado o encanamento. Após o conserto, o vaso sanitário foi reinstalado e o local voltou a operar normalmente. “Entretanto, há algumas semanas percebemos que o vazamento voltou, e ainda, o cheiro tem sido bem desagradável. Assim sendo, mais uma vez solicitamos encarecidamente que tal toalete seja utilizada tão somente para higienização bucal e para mictar”, reforça a circular.

Para o escrivão diretor do Fórum, Jorge Sales, que assina a circular, esse é só mais um problema estrutural do local. “O Fórum já não comporta mais a demanda, não tem espaço físico e estrutura para informática”, diz.

Segundo a Apatej, a medida causou indignação nos funcionários. Para a Oficial de Justiça Eliana Aparecida Contin, chega a ser constrangedor receber um pedido como esse. “O funcionamento do nosso organismo não obedece a regras absurdas como essa. O problema do encanamento precisa ser resolvido, pois só há um banheiro para dividir entre todos os funcionários”, reclama a servidora.

O presidente da entidade, Mário José Mariano, o Marinho, lembra que as denúncias sobre as más condições do funcionamento do Fórum têm sido constantes. “Entendo que o diretor zela pelo bem público e tem feito o possível. Ele não tem culpa, tendo em vista que a situação de trabalho o levou a isso”, afirma.

interditado

Mas os problema não param por aí. Nas proximidades, há lixo e entulho espalhados, atrapalhando o acesso. Além disso, mendigos e usuários de drogas dormem nos portões.

Marinho diz ainda que o Fórum de Carapicuíba é uma das piores instalações do Poder Judiciário paulista e lembra que, em reunião com o presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, desembargador Ivan Sartori, cobrou uma solução urgente.
“Fomos informados de que há uma licitação aberta para a realização de uma Parceria Público-Privada para que um novo prédio seja construído em terreno já doado pela Prefeitura de Carapicuíba. Mas devido à precariedade do atual imóvel, o presidente do TJ autorizou a procura de um prédio para alugar, até essa licitação seja concluída e o novo prédio entregue à população”, explicou.

A licitação para a construção do novo Fórum de Carapicuíba foi lançada no início de julho. Por meio de uma PPP (Parceria Público-Privada), o governo estadual vai ceder o terreno para que a empresa vencedoras faça as obras. Em troca, ela terá direito à exploração de serviços nos novos prédios, incluindo desde estacionamentos até lojas, e passando ainda por lanchonetes, copiadoras e livrarias.

Não há prazo previsto para início e conclusão das obras.

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism