JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

2 de ago de 2013

Advogar é deveras legal!

Quantas vezes você já ouviu as seguintes frases: “o mercado está saturado de advogados”, “advogar hoje em dia não dá mais dinheiro” ou “fazer faculdade de direito hoje, só se for para prestar concurso”?

Certamente foram várias as vezes e pessoas que proferiram tão sábio (só que não) ensinamento tentando desmotivar os jovens estudantes a optarem pelo curso de direito. Contudo, apesar de muitas vezes os textos aqui retratados “pintarem” uma imagem ruim do direito e da advocacia em geral, hoje faremos uma defesa honrada e honesta de nossa tão querida e amada profissão.

joinha

Advogar não é legal, assim como ser engenheiro, arquiteto ou médico também não é! Legal mesmo é ser o ganhador da mega sena, acordar todos os dias depois das onze horas, tomar café na hora que seria o almoço e almoçar na hora do chá da tarde. Isso sim é bacanamente bonito.

Porém, como a vida não nos sorriu desta forma, nos cabe ter que escolher uma profissão e seguir com ela pela vida inteira, e assim lhes digo, poucas são mais recompensadoras que o Direito. Muito embora tenhamos muitos e variados problemas, todas as profissões também os tem, mas é muito reconfortante saber que a sua profissão acabou por fazer o bem para um terceiro, ainda que você tenha cobrado para fazer esse “bem”.

Ganhar dinheiro é importante pra caramba, afinal é pra isso que a gente rala, atura chefe pegando no pé, serventuário mal educado e juiz que se acha pop star, mas às vezes é mais recompensador você atender um cliente e ele te entregar um pote de doce de leite ou uns biscoitinhos de nata em troca de um serviço que você tenha feito.

Isso não é desvalorizar a profissão, isso não fere o estatuto da OAB, e o simples fato de você ter cobrado o processo em quilogramas de biscoito ou potes de doce de leite só demonstra que às vezes é preciso fazer o que é preciso ser feito. Fazer o bem de vez em quando não mata ninguém .

A vida do advogado não se resume apenas em elaborar petição, visitar o fórum e participar de audiência, advogar envolve muito mais que isso, todo advogado é um pouco psicólogo, conselheiro matrimonial, terapeuta e por aí vai, mas isso não é ruim, isso no fim das contas chega até a ser divertido.

Pode não ser legal para o seu cliente ter sido traído e estar te procurando para fazer a separação dele, mas é deveras bacana saber que a separação se dá porque o cara descobriu que a mulher dele foi com mais 3 outras amigas e 2 caras numa casa de swing “só pra conhecer”.

Assim, quando algum descontente com a vida te disser que fazer faculdade de direito só vale à pena se for pra prestar concurso, sorria com o cantinho da boca, à la Monalisa e diga, amigão, fazer direito é legal. LITERALMENTE!

AssinaturaLivan

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism