JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

22 de jan de 2015

MORADORES INCENDEIAM FÓRUM E TENTAM ATACAR JUIZ QUE NÃO CASSOU O PREFEITO DA CIDADE

O Fórum do município de Buriti (a 316 km de São Luís) foi incendiado por um grupo de moradores no fim da tarde de terça-feira. Os moradores ficaram revoltados com a decisão do juiz Jorge Antônio Sales Leite, que negou o pedido de cassação do prefeito Rafael Mesquita Brasil (PRB) e de seu vice, Raimundo Nonato Mendes Cardoso, o “Raimundo Camilo”, também do PRB. O prefeito é acusado de captação ilícita de sufrágio (compra de votos), nas eleições de 2012, e de improbidade administrativa, por falta de prestação de contas durante sua gestão.

De acordo com dois funcionários do Fórum Desembargadora Maria Madalena Alves Serejo, ouvidos pelo GLOBO, a decisão do juiz ocorreu na manhã de terça-feira. No começo da tarde, já se viam moradores reunidos em frente ao edifício, armados de paus, pedras e gasolina, para investir não só contra o prédio, mas também contra o magistrado.

Após invadir o Fórum, a população queimou quase todos os móveis que estavam nos diferentes cômodos do prédio. O juiz Jorge Antônio Sales conseguiu fugir da multidão, que, segundo os funcionários do Fórum, ainda tentou amarrá-lo.

forum-incendiado-em-Buriri

O tumulto só foi contido com a chegada de mais de 20 homens do Batalhão da Polícia Militar de Chapadinha, que fizeram um cordão de isolamento em frente ao Fórum e levaram o juiz Jorge Leite para um local seguro.

Muitos documentos, computadores e urnas eletrônicas também foram queimados no incêndio.

Funcionários do prédio ajudaram a apagar o fogo e a retirar documentos ameaçados de ser atingidos pelas chamas. Peritos do Instituto de Criminalística (Icrim) estiveram no local e estão avaliando os prejuízos causados pelo ataque.

A Polícia Militar informou que três pessoas foram presas, acusadas de participar do incêndio ao Fórum. Um homem que teria liderado a ação – identificado como Lourival Batista, irmão do candidato derrotado em 2012, Lourinaldo Batista da Silva, o “Naldo” (PHS) – está sendo procurado pela polícia.

Fonte: O Globo

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism