JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

25 de ago de 2015

DIÁRIO DE UM CONCURSEIRO - ASPECTOS SOBRE A CARREIRA DE PAPILOSCOPISTA

Entre os concursos previstos para 2015 e 2016, está o concurso para a carreira de papiloscopista. Tendo em vista o meu dia a dia acompanhando duas profissionais dessa carreira há dois anos, hoje venho lhes falar sumamente sobre a papiloscopia.

Há previsão para o concurso em São Paulo, segundo o site JCconcursos, bem como a previsão de concurso para Santa Catarina (29 vagas para 2015/2016).

Não há nada mais instigante que lutar por algo que você sonha.

Não apenas fazer por fazer, mas fazer porque você almeja. Conheço muitos concurseiros que prestam todos os concursos. Certa vez, assisti a um vídeo na internet, onde uma mulher que havia passado em vários concursos aconselhava a prestar concursos de forma que, se você prestar concurso só para os Tribunais, então faça todos dos Tribunais; se você prestar concurso para Magistratura, faço todos de Magistratura, se você prestar concurso para a Promotoria, então faça todos da Promotoria, para que desse modo você tenha um foco, e dedique-se de maneira mais intensa e determinada a essa carreira.

Concordo plenamente.

Por isso, a assunto de hoje: a carreira de papiloscopista. Talvez eu possa dar a você, concurseiro, o desejo de ser um papiloscopista. E dessa forma, a motivação para acordar todos os dias e dedicar-se a estudar e conquistar esse sonho.

O papiloscopista é responsável por realizar a identificação humana através das impressões digitais. Deixando os conceitos técnicos de lado, descreverei brevemente o dia a dia do papiloscopista.

A pericia papiloscopica pode ser realizada em automóveis, materiais, e local.

papiloscopista

Além disso, há a pericia necropapiloscópica, a fim de identificar ou confirmar a identidade de cadáveres.

Quando há uma ocorrência, por exemplo, um homicídio, a autoridade responsável solicita a pericia papiloscópica no local, ou em material, a fim de que sejam recolhidas possíveis impressões digitais do agente. Assim, caso seja em local (e que este local esteja preservado), o papiloscopista dirige-se à cena do crime com sua maleta super legal (é super legal mesmo, cheia de “pós mágicos” e pincéis), se veste de super agente do CSI (jaleco, máscara, touca, bota e luvas) e recolhe o que julgar importante para a identificação digital do agente.

Tendo as evidências em mãos e os suspeitos para realizar os confrontos, é só torcer pelo resultado positivo. Com o resultado positivo, é feito o laudo e despachado para a autoridade competente para as devidas providências. A perícia papiloscópica serve como prova para a elucidação das investigações tendo em vista a sua fidedignidade.

Atualmente muitos crimes são esclarecidos através da pericia papiloscópica, prestando um importante serviço social à comunidade, e criminal à justiça.

Para saber mais sobre a carreira de papiloscopista: http://www.papiloscopia.com.br/

Portanto, um olho no edital e outro nos livros! Bons estudos galera =)

Assinatura Maelem

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism