JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

28 de set de 2015

HOMEM MATA NAMORADA APÓS ELA DIZER O NOME DO EX DURANTE SEXO

Fidel Lopez, de 24 anos, foi preso após confessar ter matado a namorada após ela dizer o nome do ex duas vezes enquanto os dois faziam sexo em Sunrise (Flórida, EUA).

Policiais foram ao apartamento de Fidel após ele ligar para a emergência dizendo que Maria Nemeth, de 31 anos, não estava conseguindo respirar.

Ao chegar à residência, agentes encontraram o corpo de Maria nu, caído no chão e ensaguentado.

download

Inicialmente, Fidel contou que, quando os dois estavam fazendo sexo, Maria se levantou e acabou desmaiando. Depois, ele confessou o ataque de fúria ao ouvir o nome do ex dela. O americano disse ter virado um "monstro" com a situação.

Fidel cometeu uma série de atos violentos contra a namorada e chegou a arrancar parte dos intestinos de Maria. Ele contou que tentou "acordar" a namorada jogando água contra o rosto dela. Sem resposta, ele lavou o sangue das mãos e foi fumar um cigarro do lado de fora do apartamento.

Fonte: O Globo

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism