JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

4 de set de 2015

MORADOR DE RUA FAZ FACULDADE DE DIREITO PARA REALIZAR O SONHO DE SER ADVOGADO

Enquanto muitos reclamam de estudar e da vida que têm, o morador de rua Laedison luta diariamente para ir à faculdade de Direito e conseguir tornar-se advogado.

Aos 49 anos, ele está no 8º semestre do tão desejado curso. Mas, para chegar até aí, passou por muitos obstáculos. Em 1997, deixou a terra natal Salvador para prestar vestibular em uma faculdade em São Paulo, mas não passou.

Dois anos depois, conquistou a vaga e estudou até 2001 porque não podia mais pagar. Quando voltava para Salvador, foi atacado por moradores de rua.

— Foram duas perfurações de arma branca nas costas e uma no pescoço. Fiquei um tempo sem andar, andei de cadeira de roda... Sempre sozinho, procurando me refugiar nos livros.

estudante

Com dificuldades financeiras, Laedison foi morar nas ruas e, graças à um financiamento, conseguiu retornar à faculdade.

— Fui durante seis meses no banco fazer o financiamento, mas o banco não fazia por eu ser morador de rua. Até que eu fui na Comissão dos Direitos Humanos e eles fizeram o meu financiamento. Até me deram um cartão.

Neste vai e vem da faculdade para as ruas, ele acabou perdendo seus livros e documentos. Eles foram retirados — do cantinho em que ficavam na rua — por guardas municipais. Com a perda e mais uma luta que aparecia em seu caminho, Laedison começou a desanimar. Há 15 dias, ele não vai para a aula.

— Chego na faculdade sujo, todo "mendigão"... É mais um constrangimento pra mim. Não é o meu perfil! Quem me conhece, eu não ando assim!

No entanto, sua vida começou a mudar quando jovens estudantes cruzaram seu caminho. Elas faziam um trabalho sobre migração nas ruas, quando pararam para conhecer sua história e divulgaram na internet. A partir daí, começou uma mobilização nas redes sociais para ajudá-lo!

Fonte: R7

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism