JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

14 de out de 2015

APÓS TRÊS SEMANAS DE CASAMENTO, HOMEM PEDE DIVÓRCIO VIA WHATSAPP E CASO VAI PARAR NA JUSTIÇA

Um caso de divórcio se tornou centro de debate e polêmica na Índia. Segundo a reportagem do britâno "Mirror", um homem teria pedido o divórcio para sua mulher através do aplicativo de mensagens WhatsApp, depois de apenas três semanas de casamento.

O homem de 27 anos cuja identidade não foi revelada é um morador da cidade de Vaikon. Ele havia aceitado participar de um casamento arranjado com uma estudante de 21 anos. Tudo parece bem após a cerimônia, mas três semanas depois de dizerem "sim" um para o outro no altar, ele enviou uma mensagem dizendo que ela era "como uma maçã" e que ele já conhecia o seu "gosto".

TALQ

Indignada, a estudante fez uma queixa na Secretaria da Mulher da Índia. Ao apurar o caso, ficou decidido que seu marido deverá ser julgado.

Pela lei islâmica, o divórcio pode ocorrer se o marido proferir a palavra "talaq" ("eu me divorcio de você") para sua mulher. Um estudo recente conduzido em 10 estados indianos mostrou que uma mensagem entregue através de aplicativos contendo a palavra se tornou uma grande preocupação as mulheres do país.

"Eu não acho que um jovem normal pode agir deste maneira. A secretaria deve dar proteção e ajuda legal para a mulher e sua mãe", afirmou B Sugathakumari, ex-diretor do órgão.

Fonte: RedeTv

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism