JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

23 de fev de 2016

ASTOLFO DIDO, O ADVOGADO DA DEPRESSÃO – GANHEI POUCO E O CARRO AINDA QUEBROU

Amigos depressivos da universalidade advocatícia, “oh nóis aqui traveiz”!

Semana passada eu reclamei que já tinha um tempo que nada de emocionante acontecia, pois o Todo Poderoso achou por bem que deveria acontecer.

Lá por quinta-feira eu recebi umas publicações que me deram uma animada da advocacia. Umas condenações mais altinhas com umas sucumbências melhores ai pensei “agora vai!”.

Tudo andando, as coisas melhorando, peguei meu Gol 1.0, cor branca, ano 91, carburado, com som da Pionner que vale mais que ele e fui visitar uns parentes que moram uns 300km daqui.

p_PRANCHA_GUINCHO5_02-16-21

Quase 300km o meu golzinho lindão anda numa boa!! Anda muito mais e tranquilinho.

Aí cheguei lá, todo pimpão e alegre e já começou na festa de família: “oh, tia, ele é advogado, aproveita e pergunta aquilo lá”. Ai mano, meu saco viu.

Fora isso tinha uma tia que deve estar com algum problema neurológico, psicológico, ou sei lá o que, que ficava trocando meu nome. Trocou meu nome de sábado de manhã até segunda de manhã quando vim embora, mesmo eu olhando na cara dela e falando pra parar que tava bem feio.

Essa mesma tia louca aí, que nem minha tia é, é casada com meu tio, ou seja, amo ele e não ela, ficou falando de como o irmão dela advogado estava rico lá em Campo Grande.

Ai que raiva dessa véia viu.

Daí beleza, passou tudo, chegou na hora de vir embora, enchi o carro de coisa da fazenda (por que não sou obrigado a não trazer carneiro e frango caipira temperado), liguei o carro, o som, e vim.

Andei legal por 100km e acabei de chegar de guincho do DER. Não sei se foi a emoção...

Pelo menos os honorários vão pagar um carburador novo, por que só dão pra isso mesmo: um carburador! Trocar meu lindão (que antigamente era de um mano que colocou a buzina semelhante a de viatura de polícia) por agora não!

Mas assim eu vou tentando. Um dia eu ainda me dou bem, eu acho.

Astolfo

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism