JUIZ CAGÃO:

Juiz tira um foto no banheiro pra mostrar que também é genteClique e leia

7 de out de 2016

Advogado entra com “Mandato de Segurança” para garantir a alteração de seu voto nas eleições 2016.

O advogado da pacata cidade de São João da Esparrela-PI, Dr. Armando Arriosca, 36 anos, ingressou no TRE-PI, na manhã desta terça-feira, 04/10/2016, com a inusitada peça processual denominada “mandato de segurança” com o objetivo de alterar seu voto no candidato a vereador que o advogado veio a eleger, solicitando da Justiça eleitoral que convoque novo pleito no domingo próximo, com envio de urna eletrônica, mesários, propaganda política e tudo mais que tiver direito para a sua seção eleitoral, para que possa retificar seu voto.

A polêmica aconteceu em virtude do vereador Jelres Hatakeyama, escolhido pelo Dr. Armando, eleito com apenas 1 voto a mais que o primeiro suplente, não ter cumprido uma promessa de campanha feita ao advogado, motivo que o levou a ingressar com a ação.

g1

Conforme alega em seu “mandato de segurança”, o motivo de tamanha indignação é que: “apoiou o candidato a vereador Jelres Hatakeyama para a eleição da câmara local, inclusive fez a doação de R$ 5.000,00 (cinco mil reais), colocou perfuration no vidro traseiro do seu carro, ordenou que seus filhos colassem adesivos do candidato em seus cadernos e no de seus colegas e ainda, sacudiu, junto com a família, a bandeira do vereador na rodovia, embaixo do sol de meio dia [...] Em troca deste descomunal esforço, bastava ao vereador, quando fosse eleito, indicá-lo como assessor jurídico da Câmara. Ocorre, no entanto, que o vereador Jelres Hatakeyama, eleito em último lugar, com 1.172 votos, (um a mais que o 1º suplente) após ter a sua vitória confirmada nas urnas, disse ‘desconhecer este advogado, nunca tendo-o visto antes’, tendo ainda a audácia de ligar para a polícia para que retirasse este Requerente da sua presença.”

A ação registrada sobre o nº de Protocolo 0171-51/2016, ainda não foi apreciada pelo Tribunal Regional Eleitoral, mas, em rede social, o dr. Armando já comemora o sucesso da ação, afirmando que: “ Hoje a democracia avançou para um novo paradigma! A Possibilidade de retificar o voto é um marco para o controle social!”

Procurado para comentar a respeito, o vereador Jelres Hatakeyama afirmou que não comentaria sobre o caso até ser oficiado pela justiça.

Fonte: Embuste News

Espalhe

Receba por e-mail

Organizações N.E.D.: Não Entendo Direito - Entendo Direito - Desenvolvido por Templateism